• Join over 1.2 million students every month
  • Accelerate your learning by 29%
  • Unlimited access from just £6.99 per month

Numa composio cuidada mostre o ponto de vista que lhe parece mais correcto e esplane as suas ideas sobre o assunto.

Extracts from this document...

Introduction

Francisco Ib�rico Nogueira 12/02/06 Yr. 12 Portugues A2 SL Afonso da Maia advoga, para o seu neto, um tipo de educa��o fundamentalmente � base de exercicios fisicos. O padre Cust�dio discorda com este tipo de ensino e lamenta que Afonso descure o aspecto religioso, t�o importante para a felicidade e bom comportamento do seu neto. Numa composi��o cuidada mostre o ponto de vista que lhe parece mais correcto e esplane as suas ideas sobre o assunto. A educa��o � Portuguesa consiste prioritariamente de um esnino baseado � volta da religi�o. Este factor no ensino � Portugu�sa tem varios efeitos no crescimento das crian�as. A religi�o tem um efeito no desenvolvimento e questionamento nas ideas que rodeam o mundo. O que a religi�o faz � responder a essas perguntas, teja a resposta correcta ou errada, como � dita pela B�blia ou pela lingua do padre � o que tem de ser acreditado pelos seguintes da religi�o cat�lica. Isto faz com que muitos dos objectivos da vida moderna sejam eliminados pois o objectivo da vida de muita gente � descobrir o que nunca foi descoberto anteriormente. O ensino � Portuguesa tambem se basea em m�todos de ensino antiquados como aprender linguas mortas como o Latim. N�o s� o Latim mas � um ensino que faz com que as crian�as n�o questionem o que lhes rodea. ...read more.

Middle

Pedro era uma rapaz problem�tico pois tinha assiduamente crises de melancolia negra. Isto causou Pedro a n�o s� envelhecer mais rapido como ficava com m� cara, amarelado, e com olheiras fundas parcendo cavidades faci�is. Pedro sofre estes sintomas pois foi vit�ma de uma educa��o retrograda. Pedro n�o era fraco fisicamente mas sim tinha uma enorme cobardia moral. Isto visto no seu suicidio por sua mulher fugir. Pedro no fim da sua vida falhou como um homem, falhou no seu casamento, e como um "Maia". Euz�biozinho tambem foi vitima de uma educa��o retrograda, uma educa��o � Portuguesa ele n�o como Pedro da Maia era um rapaz fraco e "passava os dias nas saias da titi". Como d� para ver Euz�biozinho era um rapaz timido e muito medroso, n�o s� mas era muito mimado e protegido. Ele era t�o protegido que n�o poderia sair � rua sem o seu cascol e a sua mantinha e n�o tomava banho pois podia ficar doente. Como d� para ver Euzebiozinho � uma rapaz sem liberdade pessoal nenhuma. At� a sua estatura e pessoa est� hiperbolizada no seu nome "Euz�biozinho". Ele era d�bil na saude e era t�o protegido que n�o tinha actividade fisica na sua juventude. N�o s� Euzebiozinho era um rapaz muito pouco inteligente. Ele aprendeu somente a memorizar versos da cartilha sem nem saber o que queriam dizer. ...read more.

Conclusion

Assim Carlos um homem novo com tudo e mais alguma coisa que precise para se tronar um vencedor fracassa como seu pai Pedro da Maia. Para concluir tenho de dizer que aparte de Carlos da Maia fracassar com o seu ensino � Inglesa prefiro o ensino � Inglesa ao Portugues. Isto � pela raz�o que axo que � extremamente importante ter a liberdade de pensar no que quizer e acreditar no que quiser. N�o s� mas axo que Carlos da Maia foi um caso exesional pois ele tinha tudo o que precisava ent�o nunca desenvolveu a sua "fome" para trabalhar para ter o que queria e isto causou com que ele se transforma-se num diletante. Afonso da Maia outro seguidor e apoiador de um ensino � Inglesa � um homem extremamente bem sucedido forte e capaz. Carlos tambem teve certos problemas na sua inf�ncia o que lhe podem ter dirigido pela estrada do fracasso, este sendo n�o ter nem pai nem m�e. Memso com Carlos a fracassar existe mais prova de o ensino � Portuguesa ser pior pois como E�a de Queiroz hiperboliza o ensino de Euz�biozinho v�-se que ele cresce num homem sem ambi��o e fraco. � preferivel ser um diletante bem sucedido com tudo o que precisa que um homem sem ambi��o, agarrado � cartilha, e sem o minimo senso de ideas inovadoras. ...read more.

The above preview is unformatted text

This student written piece of work is one of many that can be found in our GCSE Spanish section.

Found what you're looking for?

  • Start learning 29% faster today
  • 150,000+ documents available
  • Just £6.99 a month

Not the one? Search for your essay title...
  • Join over 1.2 million students every month
  • Accelerate your learning by 29%
  • Unlimited access from just £6.99 per month

See related essaysSee related essays

Related GCSE Spanish essays

  1. Universidad Interamericana de Puerto Rico

    Ex�sten varios modelos de aplicaciones del B2B. Los principales son: "sell-side marketplace", "buy-side marketplace" y el intercambio electr�nico. Veamos cada uno en detalle. * Sell-side marketplace; en �ste modelo las organizaciones intentan vender sus productos o servicios a otras organizaciones electr�nicamente desde su propio mercado electr�nico privado y/o desde el sitio de un tercero.

  2. El personaje de Calisto,Celestina

    cuando se haya en la presencia de Celestina, a pesar de que la tranquilidad que siente en esos momentos no es tan grande como cuando vuelve del huerto. Por esto podemos considerar que si el comportamiento de Calisto se trata de una onda la presencia de Celestina o su presencia

  1. ...

    G mT m d2 * A for�a normal, Rn, � uma for�a de contacto que surge quando apoiamos qualquer corpo sobre alguma superf�cie.

  2. Neste trabalho, pretendo fazer uma abordagem, embora superficial,

    APRESENTA��O DO IRC: De facto, e apesar de tamb�m poder significar imposto sobre o rendimento de pessoas colectivas a verdade � que o IRC de que falo n�o � bem isso: o IRC, ou seja, Internet relay Chat, trata-se de um modo de conversa��o on-line da World Wide Web e

  • Over 160,000 pieces
    of student written work
  • Annotated by
    experienced teachers
  • Ideas and feedback to
    improve your own work