• Join over 1.2 million students every month
  • Accelerate your learning by 29%
  • Unlimited access from just £6.99 per month
Page
  1. 1
    1
  2. 2
    2
  3. 3
    3
  4. 4
    4
  5. 5
    5
  6. 6
    6
  7. 7
    7
  8. 8
    8
  9. 9
    9
  10. 10
    10
  11. 11
    11
  12. 12
    12
  13. 13
    13
  14. 14
    14
  15. 15
    15
  16. 16
    16
  17. 17
    17
  18. 18
    18
  19. 19
    19
  20. 20
    20
  21. 21
    21
  22. 22
    22
  23. 23
    23
  24. 24
    24
  25. 25
    25
  26. 26
    26
  27. 27
    27
  28. 28
    28
  29. 29
    29
  30. 30
    30
  31. 31
    31
  32. 32
    32
  33. 33
    33
  34. 34
    34
  35. 35
    35

A Torri uma marca do grupo J.M.V., operando este grupo em duas reas de actividades: distribuio de bebidas e produo de cafs. Exporta cafs Torri para 50 paises dos cinco continentes

Extracts from this document...

Introduction

CULTURA, IDEOLOGIA E MERCADO Escola Superior de Matosinhos ANABELA LOPES FERNANDO MAIA HUGO OLIVEIRA MICHAEL MENDES S�LVIA BARROS Trabalho elaborado para a disciplina de CIM leccionada pela Dr� Ana Mestre RESUMO: Este documento pretende. MATOSINHOS - JANEIRO DE 2007 �NDICE Introdu��o 3 An�lise interna Torri� 4 An�lise externa 7 Sistema pol�tico - legal dos EUA 16 Situa��o econ�mica geral 18 Dimens�es s�cio - culturais Geert Hofstede 19 Aplica��o das dimens�es de Geert Hofstede para os EUA 21 An�lise de mercado 23 An�lise de concorr�ncia 24 Caracter�sticas da comunica��o existente 26 Diagn�stico da situa��o actual 27 Estrat�gias definidas 28 Caracter�sticas do segmento - alvo 28 Produto 29 Pre�o 30 Comunica��o 31 Distribui��o 32 Conclus�o 33 Bibliografia 34 Netgrafia 35 1 INTRODU��O � cada vez mais importante conhecer de uma forma sociol�gica os mercados seleccionados para um processo de Internacionaliza��o. Assim, muitas vezes o que define o sucesso ou n�o de um processo de internacionaliza��o � a capacidade de uma empresa se adaptar culturalmente a um novo mercado. Entender os novos valores de uma nova realidade assume-me como uma tarefa imprescind�vel num processo de Internacionaliza��o. Este trabalho pretende apresentar um processo de Internacionaliza��o, onde as val�ncias culturais s�o o elemento �ncora da elabora��o de uma estrat�gia de Marketing. Um processo de Internacionaliza��o tem de passar necessariamente por uma abordagem cultural, condi��o importante para o sucesso do processo de Internacionaliza��o. Com a realiza��o deste trabalho pretende-se dar a conhecer a realidade Norte Americana, bem como os passos necess�rios para um eficaz processo de Internacionaliza��o, baseados essencialmente numa abordagem cultural. 2 AN�LISE INTERNA A Torri� � uma marca do grupo J.M.V., operando este grupo em duas �reas de actividades: distribui��o de bebidas e produ��o de caf�s. Exporta caf�s Torri� para 50 paises dos cinco continentes. A marca Torri� possui uma quota no mercado nacional baixa, sendo a 4� marca mais vendida no canal dom�stico. A marca Torri� viu premiado um dos seus principais valores atrav�s da publica��o na Proteste, de um estudo sobre a qualidade do caf� � venda nas grandes superficies, conferindo assim ainda mais for�a aos valores defendidos pela marca. ...read more.

Middle

poder executivo � exercido pelo presidente O poder legislativo � exerc�cio pela c�mara de representantes e pelo senado O poder judicial � exercido pelos tribunais Sufr�gio Todos os cidad�os maiores de 18 anos N�o obrigat�rio Partidos Pol�ticos Partido Democr�tico Partido Republicano Elei�es Presidenciais - a cada 4 anos Membros da c�mara dos representantes - a cada 2 anos Um ter�o dos membros do senado - a cada dois anos Rela�es econ�micas entre os Estados Unidos da Am�rica e Portugal Os EUA assumem-se como o principal parceiro econ�mico de Portugal fora do contexto da Uni�o Europeia. Este documento procura fazer uma breve an�lise da evolu��o recente do posicionamento de Portugal no mercado norte-americano em termos de com�rcio e turismo; identifica as principais oportunidades e dificuldades na abordagem ao mercado; e fornece algumas informa�es sobre a "cultura de neg�cios" do pa�s. Os EUA assumem-se como o principal parceiro comercial de Portugal fora do contexto da Uni�o Europeia, posicionando-se como 5� cliente e 9� fornecedor. Este documento procura fazer uma breve an�lise da evolu��o do relacionamento bilateral nas vertentes de com�rcio, investimento e turismo. Os Estados Unidos s�o, de longe, a maior pot�ncia econ�mica mundial, com um produto interno bruto (PIB) de 12.487 mil milh�es de d�lares em 2005. Em termos de paridade de poder de compra, isto representa uma vez e meia o valor respeitante � China, mais do triplo do valor referente ao Jap�o, cerca de 5 vezes o da Alemanha e quase 6 vezes o do Reino Unido. O PIB per capita dos EUA, em termos de paridade de poder de compra, � quase uma vez e meia os do Jap�o e do Reino Unido. Esta supremacia � confirmada por outros indicadores, como o facto de 5 das 10 maiores empresas do mundo serem norte-americanas ou de o pa�s deter quotas muito significativas dos mercados mundiais de patentes, energia nuclear, utiliza��o da Internet e tecnologias da informa��o, em geral, e outras �reas de inova��o tecnol�gica. ...read more.

Conclusion

T�m equipas de vendas para colocar o produto no com�rcio local. Empresa de transportes - Contratada pela Torri� EUA, vai distribuir os produtos pelos retalhistas. 6 - Conclus�o A realiza��o deste trabalho permitiu acima de tudo verificar que a componente cultural � indissoci�vel de um processo de Internacionaliza��o. A vertente cultural � muitas vezes descurada, reflectindo-se posteriormente nos resultados obtidos, quase sempre rotundos falhan�os. A introdu��o no mercado do caf� dos Estados Unidos por parte da Torri�, revela-se na nossa opini�o uma tarefa �rdua em virtude do investimento elevado a realizar bem como da envolv�ncia cultural que vai encontrar. Ao entrar num mercado bastante diferente quando comparado com o mercado nacional, a Torri� enfrenta um desafio enorme, derivado da exist�ncia de poderosos e in�meros concorrentes, produtos com especificidades bastantes diversas quando comparadas com os produtos da gama Torri� e um conceito de caf� totalmente diferente do conceito portugu�s. Apesar de ser uma tarefa complicada, existem na nossa opini�o, oportunidades que merecem ser trabalhadas. Uma aposta nas comunidades emigrantes latinas � uma op��o que se pode tomar, em virtude de apresentarem gostos e h�bitos que a Torri� j� monitora. Seria tamb�m uma maneira de se conseguir divulgar a marca Torri� procurando aumentar a sua notoriedade e divulgando o grande atributo da marca Torri�: a qualidade dos produtos. A cria��o de um novo produto � tamb�m uma op��o estrat�gica a adoptar, procurando acompanhar as caracter�sticas dos consumidores americanos. Os consumidores americanos revelam uma apet�ncia por produtos inovadores, devendo a Torri� criar um novo produto, que surgiria como resultado de um estudo de mercado sobre os consumidores americanos de caf�. Assim, com o lan�amento de um novo produto, a Torri� teria possibilidades de criar um pequeno segmento de mercado, procurando associar ao produto um conceito que marque efectivamente o consumidor. Bibliografia LENDREVIE, Jacques (et al) - Mercator, teoria e pr�tica do Marketing. D. Quixote, Lisboa, 2000, (10� edi��o) KOTLER, Philip- Administra��o de Marketing: a edi��o do novo mil�nio. Prentice- Hall, S. Paulo, 2000 (10� edi��o) Netgrafia www.dunkindonuts.com www.geert-hofstede.com http://query.nytimes.com http://usinfo.state.gov/journals/itsv/0699/ijsp/ij069904.htm http://www.icep.pt http://www.ipam.pt www.ncausa.org www.nescafe.com www.researchandmarkets.com www.starbucks.com www.ticoshopping.com www.torrie.pt www.scaa.org ?? ?? ?? ?? Grupo Teamwork 34 ...read more.

The above preview is unformatted text

This student written piece of work is one of many that can be found in our University Degree Portuguese section.

Found what you're looking for?

  • Start learning 29% faster today
  • 150,000+ documents available
  • Just £6.99 a month

Not the one? Search for your essay title...
  • Join over 1.2 million students every month
  • Accelerate your learning by 29%
  • Unlimited access from just £6.99 per month

See related essaysSee related essays

Related University Degree Portuguese essays

  1. A seguir apresentado um procedimento experimental para obteno da benzocana - molcula pertencente ...

    Caso a solu��o apresente colora��o escura, adicione 0,3 a 0,5 g de carv�o ativo, agite manualmente por v�rios minutos e filtre por gravidade. Use papel filtro pregueado para esta filtra��o. Prepare uma solu��o de 6 g de acetato de s�dio triidratado em 10 mL de H2O.

  2. The representation of the serto and popular religiosity in the movies Black God, White ...

    It ends with the apparent fulfillment of the utopian prophecy: the famous image of the sea, which replaces that of the backlands. The movie formulated Brazilian cinema's most famous utopia: 'The backlands will return to sea, and the sea will turn into backlands' (Nagib 2007: 3).

  1. A Importncia do Mercado de Aes Para o Desenvolvimento Econmico Sustentvel Brasileiro

    adequadas de financiamento, o que constitui obst�culo de primeira ordem � realiza��o de investimentos privados e, por conseq��ncia, � retomada do desenvolvimento econ�mico. Pois s�o extremamente limitadas as fontes internas de recursos em condi�es de prazo e custos compat�veis com a matura��o e taxas de retorno de projetos de investimento de longo prazo ou adequadas para o financiamento.

  2. O MERCADO DE CAPITAIS DO BRASIL NO PERODO DE 1994 A 2003: SUA IMPORTNCIA ...

    A IMPORT�NCIA DO MERCADO DE CAPITAIS PARA O DESENVOLVIMENTO ECON�MICO O desenvolvimento econ�mico depende da evolu��o de indicadores sociais, como: acesso � sa�de, educa��o, saneamento b�sico e igualdade social. Para os te�ricos, a expans�o cont�nua da capacidade de produ��o, que est� associada ao investimento em capital e recursos humanos, � precondi��o para o desenvolvimento sustent�vel.

  1. comunicare politica

    Spre deosebire de alte institutii, statul are putere asupra globalitatii vietii sociale, modeleaza fundamental organizarea si conducerea sociala, d�ndu-le un profund caracter politic.

  2. o papel das RP na camara de sintra

    do concelho Relativamente aos instrumentos escritos e orais para a comunica��o Municipal: Quanto ao trabalho das Rela�es P�blicas da C�mara utiliza para divulgar informa��o aos seus p�blicos, s�o os seguintes: Revista Municipal, que � trimestral, cuja informa��o � da evolu��o do conselho, (ver revista em anexo 1 e 2); Magazine

  1. GESTO PRODUTO

    Foi precisamente esta din�mica da procura que criou oportunidades vis�veis nas altera�es das estruturas empresariais, cujos aspectos mais salientes s�o: a progressiva integra��o de fun�es e a concentra��o, destacando-se a concentra��o financeira, que fez surgir grandes grupos integrados e a concentra��o espacial de mercadorias, respons�vel pelo aparecimento de lojas de

  2. Romeu e Julieta

    Baldadas), para al�m de v�rios dramas hist�ricos; na segunda fase escreve as suas primeiras trag�dias, entre as quais se encontra Romeu e Julieta, bem como as com�dias Sonho de Uma Noite de Ver�o e o Mercador de Veneza; na terceira sobressaem Hamlet e Macbeth, duas das suas melhores e mais

  • Over 160,000 pieces
    of student written work
  • Annotated by
    experienced teachers
  • Ideas and feedback to
    improve your own work